PETg VIOLETA | 1,75mm | 1 Kg | CLIEVER
PETg VIOLETA | 1,75mm | 1 Kg | CLIEVER

PETg VIOLETA | 1,75mm | 1 Kg | CLIEVER

R$ 149,90 R$ 129,90

Filamento termoplástico composto de Politereftalato de Etileno com adição de Glycol
Possui incrível resistência mecânica e boa aparência após ser impresso
Produto de referência para aplicação industrial

PETG
PETg VIOLETA | 1,75mm | 1 Kg | CLIEVER

PETg VIOLETA | 1,75mm | 1 Kg | CLIEVER R$ 149,90 R$ 129,90

A primeira etapa para desenvolver filamentos de alta qualidade é sugar toda a água da matéria-prima, seja ela pellets de plástico, milho ou cana-de-açúcar. Isso porque o estado dos materiais é propenso a absorver a umidade do ar antes da desumidificação.

Em uma máquina com ar seco e filtros de poeira, a matéria-prima é desumidificada antes de ir para a linha de extrusão.

Durante o processo de preparação, a cor é medida criteriosamente, e a dosagem do pigmento é ajustada em tempo real durante a produção do carretel. Esse procedimento segue a métrica CIELAB ΔE.

Nessa etapa, o granulado é derretido em uma sequência de ambientes aquecidos com aumento gradual da temperatura. Um parafuso empurra o plástico derretido para frente até que ele alcance a cabeça do molde. Depois disso, o material extrudado é imediatamente imerso na água para resfriar.

O filamento extrudado é imerso em uma série de banhos de resfriamento. Esses banhos contêm uma água especial tratada com soluções antibacterianas e anti-ferrugem. Esse processo higieniza os filamentos e prolonga a vida útil dos materiais.

Nosso processo mede 4.700 vezes por segundo o diâmetro dos filamentos, em dois eixos perpendiculares entre si. Isso faz com que o nosso limite de tolerância de +- 0,02mm seja respeitado. Para você ter uma ideia, a tolerância padrão da indústria é de +- 0,05mm.

O padrão de qualidade da Cliever entrega para você filamentos com 250% mais precisão que a média do mercado.

Os carretéis são enrolados firmemente para garantir um desenrolamento suave em um porta-carretel e embalados a vácuo para evitar a absorção de umidade durante o transporte.

Após isso, os filamentos para impressão 3D são colocados em caixas de papelão e disponibilizados em nosso e-commerce.

Além dos correios, a Cliever trabalha com uma série de transportadoras para enviar filamentos a todo o Brasil no menor tempo!