blog Mar 16, 2020

5 DICAS #01 Como armazenar os filamentos da sua impressora 3D

By Rodrigo Krug | Cliever 3D

A qualidade da impressão está diretamente relacionada à qualidade do filamento utilizado na sua impressora 3D e imagino que isso não seja surpresa para você. A principal preocupação que devemos ter para garantir e controlar a qualidade do filamento é zelar pelo seu armazenamento, afinal, você não quer que ele tenha suas propriedades alteradas com o passar do tempo. Mas qual é a melhor forma de fazer isso?

 

Como armazenar corretamente seus filamentos?

Os principais problemas que podem afetar a qualidade do seu filamento, caso não seja armazenado corretamente são: Exposição excessiva a alta umidade, sujeiras e efeitos dos raios UVs. 

Por isso, trouxemos 5 dicas que ajudarão você a manter seus filamentos conservados.

 

 

  1. Utilizar dessecantes para absorção de água 

Os materiais para impressão 3D naturalmente absorvem parte da umidade ao seu redor. Em casos como o PLA, essa absorção é ainda maior por uma característica física do material. Faça um teste: se ao dobrar um pedaço do seu filamento ele se quebrar na primeira dobra, sua umidade está além do que deveria estar e o seu filamento pode danificar sua impressora, entupindo facilmente o bico do extrusor.

 

Para prevenção desse tipo de problema, recomendamos incluir um dessecante dentro da embalagem. O dessecante mais comum e eficaz é o gel de sílica. Utilize um sachê para cada filamento, para controlar a umidade e evitar que o mesmo se danifique.
Atenção: o gel de sílica deve ser trocado regularmente. Para facilitar nossas vidas eles mudam de cor para sinalizar que é a hora de substituí-los.

 

 

  1. Utilizar sacos de embalagem metalizados

Quando seu filamento entra em contato com os raios ultravioletas, propagados por alguns tipos de lâmpadas e o próprio Sol, você está correndo o risco de alterar a tonalidade do seu filamento. Esse tipo de radiação atinge diretamente a coloração, deixando-o opaco e sem vida. Já o calor excessivo, pode reduzir a vida útil do material. 

 

Portanto, o uso de embalagens metalizadas são super importantes para que o filamento não tenha contato com raios UVs e para repelir as ondas de calor, conservando o material por mais tempo e mantendo a coloração ideal.

 

 

  1. Armazenar os filamentos em caixas herméticas

Manter seu filamento fora das embalagens pode expor o produto à poeira e impurezas do ar, o que pode acarretar em uma rápida deterioração e danos à impressora. Portanto, aconselhamos que, em caso de não existir a possibilidade de armazenar seu filamento na embalagem original, opte por guardá-los em caixas organizadoras com tampa. Isso manterá seus filamentos longe de impurezas e umidades que tipicamente existem em um ambiente comum, além de economizar espaço e sua prateleira. Mas ainda assim é preferível manter dentro da embalagem original metalizada.

 

 

  1. Armazenar os filamentos em armário seco

Se o seu consumo de filamentos é constante e alto, necessitando de uma grande quantidade em estoque, você deve armazená-los em armários secos, além de seguir as nossas dicas anteriores.

 

 

  1. Retire o filamento da impressora após o uso

Na maioria das impressoras o carretel de filamento fica exposto ao ar livre. Nesses casos é muito importante observar características relacionadas com os itens acima. Portanto, se não houver planos de realizar impressão em um intervalo maior que 24 horas, você deve retirá-lo da impressora (nos modelos da Cliever aconselhamos fazer isso enquanto o filamento ainda está quente) e armazená-lo em sua embalagem original em local adequado.

 

DICA EXTRA. Consumir o filamento em até 12 meses

Os filamentos saem da nossa fábrica com todo o controle de umidade e armazenados de forma correta. Ao retirar da embalagem original, mesmo que você tome os devidos cuidados, não aconselhamos que você use filamentos que estão abertos há mais de um ano. Inevitavelmente, assim como qualquer produto, os filamentos possuem um prazo de uso. Ao usar um filamento com mais de 12 meses de abertura, você está exposto ao risco de entupir o bico extrusor da sua impressora e aos diversos danos à sua impressora e peças.

 

Conclusão: Todas essas dicas são para você conservar as propriedades do seu filamento pelo maior tempo possível. Vale ressaltar que apesar das características específicas de cada tipo de filamento variar, consideramos que as dicas descritas neste artigos valem para todos os tipos, seja PLA, ABS ou qualquer outro. Mantenha-os sempre em locais frescos, escuros e secos. Assim, você garante a vida prolongada do seu filamento e uma melhor qualidade de impressão.